1978!

1978!

Depois de algum tempo ausente, 1978, através de lápis, nanquim e photoshop. Espero manter alguma frequência.

Anúncios

2 comentários sobre “1978!

  1. Oi, meu nome é Rafael Senra, e tb mexo com quadrinhos. Gostei muito do seu blog, já add ele nos favoritos aqui!

    Seus roteiros são muito bons, e a diagramação das suas páginas é sensacional, com várias sacadas irônicas e experimentais bem sucedidas.

    Se houvesse algo para criticar, eu falaria do traço manual (nanquim?) que vc usa antes de finalizar no PC… Te recomendaria a utilização de canetas melhores pra arte final, ou senão fazer a finalização num tablet e só a parte do lápis no papel. Te digo isso pq é um detalhe que tá comprometendo um trabalho já maduro de roteiro, desenhos, e interação entre esses elementos.

    Enfim, não sou profissional da área, mas resolvi comentar pra elogiar e criticar seu trabalho pelo simples fato de tê-lo achado original e promissor.

    Um abraço!

    • Olá Rafael,

      agradeço pelos comentários. É muito bom saber que tem gente lendo e prestando alguma atenção no que eu faço.
      Quanto as ideias de diagramação e roteiro, eu tento criar histórias mais curtas onde eu possa experimentar mais com a narrativa deixando um pouco de lado o desenvolvimento da trama. Fico feliz que você tenha gostado.

      Quanto ao traço, eu fiquei com um pouco de dúvidas quanto ao que você disse. O que exatamente compromete o trabalho? Uma linha instável, o traço que é irregular, o resultado final fica sujo?
      Eu faço os desenhos usando um lápis, depois nanquim (eu uso uma caneta Sakura Pigma Micron 03), passo o desenho no scanner e faço a diagramação e cores no Photoshop. Ainda não tentei fazer a arte final direto no computador (tentei desenhar direto e não me adaptei muito bem). Vou tentar ficar na arte-final pra ver o que acontece.

      Bom, se você tiver alguma sugestão de uma marca melhor de caneta ou como eu posso melhorar as finalizações será muito bem-vinda.

      Visitei o seu blog, gostei bastante dos desenhos dos Beatles. Li também Lonely Hearts. Muito bom. Adoro histórias que misturam realidade e fantasia e, pra isso, Beatles é um prato cheio. Também nunca pensei que na história do universo alguém faria um desenho do Julian Lennon… Vivendo e aprendendo…

      abraço,
      Alexandre Lourenço

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s